Diário da Manhã | Notícia, Jornal, Rádio, Passo Fundo, Carazinho

Velha e surrada política

Os velhos vícios se repetem na República Brasileira. Estamos a poucos meses de uma nova eleição. Talvez a mais importante das últimas décadas. Mas o que estamos vendo é a repetição dos velhos vícios. Os partidos não têm vergonha? Partido não pode ter vergonha. Os seus componentes poderiam ser menos óbvios. As chamadas alianças estão se desenvolvendo como se previa. Partidos inimigos pulam a cerca, apenas para conciliar interesses duvidosos. A distribuição de recursos públicos para partidos é uma vergonha. Como se Caixa 2 possa ser extinto de uma hora para outra. O Estado do Rio Grande do Sul atravessa uma das maiores crises da sua história. Às vésperas de nova eleição as articulações se agitam. E começam as velhas e surradas promessas que não serão cumpridas. O Estado do Rio Grande do Sul, ao longo de décadas, vem plantando crises que serão maiores no futuro. Nesse período histórico todos os grandes partidos governaram o Estado. E muitos desses partidos estavam ALINHADOS com o Governo Federal. Apesar da aliança política, não lograram êxito em resolver a dívida do Estado com a União. Agora o discurso é o mesmo, mas os servidores públicos têm seus salários parcelados. O Estado carece de obras de infraestrutura. Muitas escolas estão caindo e as estradas precárias. Como alguém pode prometer algo que não cumprirá. É difícil repetir as promessas, mas elas vêm com a mesma força de sempre. O tempo de exposição na TV aberta é indispensável. Sabemos como é a política brasileira: é preciso muito dinheiro para conquistar uma eleição. A regra atual impede doações de empresas aos candidatos. Apenas pessoas físicas doarão dinheiro. É intuitivo que o número de doadores, pessoas físicas, ultrapassarão milhares. Como serão fiscalizadas essas doações?  O famoso CAIXA 2 foi extinto? O exemplo dos conchavos políticos, realizados para esta eleição, é uma demonstração de que os velhos vícios continuarão. Por isso é que os votos brancos e nulos continuarão crescendo. A desilusão da sociedade atinge níveis nunca imaginados. Como poderemos eleger candidatos que nos roubam hoje? O poder vai continuar com os mesmos grupos, fazendo REFORMAS TRABALHISTAS E PREVIDENCIÁRIAS, acabando com direitos dos servidores públicos e da iniciativa privada. O Brasil é o País dos conformados. Os candidatos dos partidos com chance de eleição apresentam duas básicas propostas: completar a Reforma Trabalhista e fazer mais uma REFORMA DA PREVIDÊNCIA. Foram feitas várias, desde o governo FHC até hoje. Quem decide a eleição é a maioria. Esta maioria é composta de trabalhadores. Temos que ir para as ruas, quando a campanha for deflagrada. Os candidatos têm proposta de acabar com todos os direitos dos trabalhadores. Cabem algumas perguntas ao eleitor. OS BRASILEIROS VOTARÃO NOS INIMIGOS DOS SEUS DIREITOS? As promessas são falsas, algumas irrealizáveis. Será que vamos acreditar novamente nisso? Por último: não podemos esquecer que as campanhas não abordam os principais assuntos. Obras são prometidas para depois das eleições, uma vez que não podem ser feitas agora. Somos obrigados a muita reflexão e, principalmente mudar de rumo!

Comentários

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
VCP - PFB Azul 08:45:00 Passo Fundo segunda a sábado
VCP - PFB Azul 17:40:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 23:15:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 20:35:00 Passo Fundo sábados
PFB - VCP Azul 06:00:00 Campinas - SP todos os dias
PFB - VCP Azul 10:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos domingos
PFB - VCP Azul 19:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos sábados
FLN - PFB Azul 16:15:00 Passo Fundo Segundas, sextas e domingos
PFB - FLN Azul 18:20:00 Florianópolis Segundas, sextas e domingos

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027