Diário da Manhã

Expodireto Cotrijal 2016 - A Feira que inspira o amanhã

Expodireto será palco do maior número de lançamentos da história da Stara

Expodireto será palco do maior número de lançamentos da história da Stara
Foto: DM

Em 2016 a Stara pretende ampliar suas exportações.  Com vendas para quase 40 países a tecnologia desenvolvida em Não-Me-Toque para os  produtos da  marca  todos  os  anos também  gera  dezenas de  novas  patentes tecnológicas 

Na história da empresa, a maior quantidade de lançamentos de produtos em uma única feira. Na Expodireto Cotrijal deste ano a Stara promete apresentar aos visitantes um novo player de produtos.  A informação é do diretor comercial da Stara, Márcio Filber. “Nunca antes na história da Stara tivemos tantos lançamentos numa única feira como teremos na  Expodireto. Neste ano a Stara optou por brindar sua terra natal com um grande número de novidades”, revela o diretor comercial.  Filber explica que os dois grandes carros chefes de vendas da marca estão ligados aos produtos destinados ao plantio e a pulverização. “No plantio somos os grandes propagadores da tecnologia de distribuição precisa de sementes no Brasil e na parte de pulverizadores temos a patente na barra central e o sistema de estabilizador de barras que geram resultados fantásticos aos produtores. Os produtos destas duas grandes linhas são os grandes puxadores de vendas”, diz Filber.  O gestor comenta que no país a economia enfrenta dificuldades, porém ao que se refere a máquinas agrícolas a empresa está otimista quanto a uma melhora do quadro nos próximos meses. “Dizer que o cenário está uma maravilha seria um devaneio, mas quando olhamos para o cenário específico do agronegócio, temos a certeza  de que a rentabilidade do agro continua sendo excelente. Estamos no início do ano ainda, mas já vemos sinais de melhoria. Esperamos que as vendas na feira venham a ser consideradas de médias para  boas”,prospecta.  O diretor  destaca que além do Brasil, a   marca realiza negócios com outros 36 países e diante a valorização do  dólar, neste ano pretende ampliar  a quantidade de exportações. “Exportar, é de novo, um bom negócio. Não que vá se exportar rapidamente, pois o processo de construção de vendas no exterior demanda  tempo, e  por muito tempo  estávamos  perdendo  competitividade. Agora o preço atual do dólar nos possibilitou  acessar estes mercados. Por isso, estamos  reconstruindo  canais de  venda  no exterior”, revela  Filber. O gestor da área comercial  comenta que a empresa projeta como tendência para o primeiro semestre do ano a aquisição de equipamentos  agrícolas predominantemente  por meio de financiamentos, porém a partir do segundo semestre a projeção é de que a maior  parte dos pagamentos de compras seja feito à vista. “ No primeiro semestre a tendência é de que as compras  sejam financiadas,  já que os juros  ainda estão fixos  em 7,5 % ao  ano, e a  informação é de que estes  recursos  acabem antes  do  final do primeiro  semestre. Para o segundo semestre temos fontes  confiáveis que  indicam  que  a taxa de  juros irá  variar  e a partir  daí temos a expectativa de que os pagamentos  passem a ser feitos com recursos próprios”, afirma. Sobre a  Expodireto Cotrijal 2016 , Filber comenta que  a combinação de juros nos patamares  atuais e os  lançamentos  que  a Stara   apresentará devem  garantir bons negócios. “Temos boas expectativas em relação a Expodireto por estas duas situações, uma é de que os juros estarão fixos até o fim do primeiro semestre, além disso estaremos com novos produtos  que serão um  diferencial. Pretendemos crescer no que diz respeito a faturamento em 2016  se comparado a 2015 ”, afirma.

“Com  tecnologia não há limites para  sonhos”
Mesmo sem detalhar as especificações de cada produto, poucos dias antes  da Expodireto Cotrijal a empresa apresentou para seus concessionários e clientes alguns dos lançamentos da marca  neste ano. O destaque é para o novo Imperador . O implemento em sua nova versão é capaz de pulverizar e distribuir fertilizantes ao mesmo tempo, e segundo a empresa  vem para  ser  um divisor  de  águas no mercado. O diretor de pesquisa e desenvolvimento da Stara, Cristiano Paim Buss, comenta que o novo produto foi desenvolvido após a sugestão de um produtor rural.“Temos de fazer a  tecnologia para  ser de fácil  manuseio. Simplificar o que há de mais  sofisticado é uma meta constante  da engenharia da Stara. Nosso compromisso é fazer com que a vida do cliente seja a mais fácil possível por meio da alta  tecnologia  dos nossos produtos”, comenta Buss. O diretor ressalta que em média cada produto  leva de  2,6 a 3 anos da sua concepção  até  o início dos testes, para só  após  várias  avaliações ser lançado no mercado. “A empresa  investe um montante  significativo  todos  os  anos em pesquisa e testes de protótipos para validar  a tecnologia.  Depois que vai aos testes, a principal avaliação é do produtor que é o nosso  cliente. É ele quem temos de ouvir”, afirma. Segundo o engenheiro, para o lançamento que a Stara apresentará na Feira deste ano, as novidades  tecnológicas  que  compõem o Imperador vem sendo estudadas há mais de  4 anos e das  melhorias do equipamento surgiram  várias  novas patentes  para empresa.  “Temos dentro da  fábrica no setor de  pesquisa e desenvolvimento uma advogada que trabalha focada  no registro das patentes das tecnologias que  desenvolvemos . As inovações são sempre visualizadas em conjunto com o comercial  que ouve o cliente. Tentamos  traduzir  isso em novos produtos, o que tem  gerado  patentes e inovações. Essas tecnologias que a Stara  apresenta  em  seus lançamentos na Expodireto    originaram várias  novas  patentes. Nosso  País  ainda  utiliza  muito  pouco  desta  possibilidade”, diz  o diretor.  Recentemente a Stara foi a primeira empresa  brasileira a participar de  um congresso na Áustria sobre   tecnologias  para agricultura.  “A  tecnologia das máquinas acabou sendo o veículo que propulsionou o aumento  da produtividade das  lavouras da   região. Para acompanhar a  tecnologia de precisão das máquinas, os  demais setores do agro como  sementes, adubos e químicos também  evoluíram e estas  tecnologias tem  fomentado  o  incremento  da produtividade. Sem sombra de dúvidas ainda temos muito a evoluir. Com a tecnologia não há limites para os  sonhos”.  Além do Imperador,  a Stara apresentará  na Expodireto  entre  seus lançamentos  a plataforma de milho Brava Mais , o distribuidor de adubos Hércules 6.0, com capacidade de carregamento de seis toneladas de fertilizante e as plantadeiras Princesa 18 e 16, que por um moderno sistema tecnológico podem ser transportadas sem a utilização de carretas.

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
AD-5167 Azul / Trip 06:55:00 Campinas Sextas
AD-5165 Azul / Trip 07:00:00 Campinas segunda a quinta e sábado
AD-5139 Azul / Trip 12:40:00 Campinas domingos às sextas
O6-6179 Avianca 15:10:00 São Paulo domingos às sextas

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027