Novembro Azul: cuidados com a saúde do homem

Após o Outubro Rosa, mês de prevenção do câncer de mama e colo de útero destinado ao bem-estar feminino, novembro chega levando informação sobre o câncer de próstata e os cuidados necessários para se prevenir da doença

Foto: Divulgação

Por

Compartilhe

O mês de combate ao câncer de próstata iniciou-se na última quinta-feira (1º). Intitulado Novembro Azul, traz consigo a tarefa de conscientizar os homens a respeito da doença e sobre o exame que deve ser feito visando a prevenção.

De acordo com o Instituto Nacional de Câncer (INCA), a doença é a segunda maior causa de morte em pessoas do sexo masculino no Brasil, ficando atrás apenas do câncer de pele não-melanoma. Considerando ambos os sexos, em valores absolutos este é o quarto tipo mais comum. Entretanto, a taxa de incidência é maior nos países desenvolvidos em comparação aos países em desenvolvimento.

Além disso, pacientes com histórico da enfermidade na família fazem parte do grupo de risco, assim como negros, obesos, pessoas com alimentação inadequada (dieta rica em gordura e carne vermelha, pobre em legumes, vegetais e frutas), que tenham contato com derivados de borracha e substâncias como ferro, cromo, chumbo e cádmio, e sedentários.

Mais presente em homens adultos, principalmente da terceira idade, a doença pode ser curada assim que localizada, porém, se identificada tardiamente, o risco de sobrevida é muito menor. Agindo silenciosamente, quando os sintomas começam a aparecer, 95% dos tumores já estão em fase avançada, entretanto, pode-se os identificar através da vontade constante de urinar, dores ao urinar, presença de sangue na urina e/ou no sêmen e dores ósseas.

Diagnóstico

O exame de toque retal deve ser feito anualmente em homens com mais de 45 anos e naqueles considerados de risco, a partir dos 40. Além deste, pode-se fazer a dosagem de uma proteína no sangue (PSA), para assim descobrir se o paciente necessita de outros exames, tais como ultrassom transretal e biópsia da glândula, que consiste na retirada de fragmentos da próstata para análise, onde só então é feito o diagnóstico.

Atividades

A Liga Feminina de Combate ao Câncer de Carazinho organiza para o mês de novembro ações para informar a população masculina sobre a gravidade da doença e como combatê-la. No próximo sábado (10), acontecerá o tradicional pedágio da liga, onde panfletos serão entregues em três pontos da cidade: em frente à Marina Veículos, no Centro e no bairro Borghetti.

Presidente da Liga, Jussara Biazus fala sobre a dificuldade de abordar o tema. “Sabemos que os homens costumam fugir do assunto, porém, é muito importante que eles saibam mais sobre isso. Além da panfletagem, estaremos também palestrando em empresas carazinhenses sobre o assunto, para que eles tenham acesso à informação”, ressalta.

Além da Liga, a Secretaria Municipal de Saúde também prepara atividades para falar sobre os cuidados necessários. Já tradicionais, as feiras de saúde abordarão o tema no dia 10 nas unidades de saúde dos bairros Sommer, Cantares e Nova Ouro Preto. No dia 24, será a vez da unidade Pádua fazer uma atividade de esclarecimento sobre o assunto para a sua comunidade.

Leia grátis o jornal digital

Comentários
Diário da Manhã

Diário da Manhã - Todos os direitos reservados. All rights reserved ®