Universitários encerram o Fesca hoje

Após duas noites intensas de apresentações das categorias infantojuvenil e juvenil, chegou a vez dos universitários se apresentarem no palco do Fesca, encerrando o tão sonhado Festival, que veio para fortalecer os laços da comunidade com a cultura

Compartilhe

Na noite de hoje (1°) acontece a última noite de apresentações da quarta edição do Festival Estudantil da Canção de Carazinho, o Fesca, que começou na terça-feira (30), com os pequenos da categoria infantojuvenil, e teve continuidade ontem à noite com a categoria juvenil. Os jovens cantores preencheram todo o espaço do Rancho Bier com muita emoção, dedicação e vontade. O evento é promovido pela Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Smec).

Houve prêmios de primeiro, segundo e terceiro lugar, porém, a sensação era de integração entre a juventude, que naquele espaço se encontrou, se reconheceu e belas amizades se formaram. Havia familiares, torcida organizada das escolas, autoridades, amigos, porém, algo curioso era que, todo mundo vibrava por todo mundo. Na terça-feira à noite a torcida organizada da Escola Estadual de Ensino Fundamental Piero Sassi, que inclusive foi a ganhadora da primeira noite como melhor torcida, vibrou por todas as apresentações. “É de vital importância reunir a comunidade assim. A gente trazendo essas crianças para uma atividade, seja na música, no esporte, enfim, ocupa o tempo deles, deixando fora do descaminho”, frisou o prefeito Milton Schmitz, durante a primeira noite de apresentações, afirmando estar encantado com a estrutura que foi montada para o Festival.

O cantor Pedro Rohde Franck, do Colégio Sinodal Rui Barbosa, foi o grande vencedor da primeira noite de apresentações, cantando “Voa Liberdade”

– Queremos agradecer aos familiares que vieram, o pessoal das escolas. É tão importante para o município esse momento, ver os jovens envolvidos em atividades saudáveis, desenvolvendo cultura e mostrando seus talentos. O Fesca é um sucesso – relatou Schmitz, que assistiu as apresentações ao lado da esposa, a secretária municipal de Assistência Social, Andreia Schmitz, e do secretário Geral de Governo, que colaborou para a organização do Festival, Jorge Dutra.

As torcidas compareceram em peso para prestigiar as apresentações

Hoje à noite, além da apresentação e premiação dos universitários, o público também irá assistir ao show do cantor mirim Thomas Machado, ganhador da última edição do The Voice Kids, que vem para fechar com chave de ouro o Festival. A equipe do Grupo Diário da Manhã transmite novamente as apresentações ao vivo pelo Facebook e mais informações também pelo Instagram e Twitter.

Alto nível

Para o secretário municipal de educação e cultura, Lucas Lopes, a expectativa para o Festival sempre foi enorme, principalmente após os ensaios gerais, quando puderam perceber a qualidade das vozes envolvidas nas apresentações, além da importância da banda base, nivelando a qualidade das performances.

– A gente vê a tranquilidade dos alunos nas apresentações porque a banda também passa essa segurança, justamente por ter um conhecimento mais técnico. Está sendo um espetáculo, os participantes se prepararam muito bem, se dedicaram de verdade – relatou Lopes.

A pequena Luiza Dal’Agostin Marcondes, do Colégio La Salle, ficou em segundo lugar.
A dupla Lana Cristine Rodrigues e Marcelo Holanda, da Escola Estadual Érico Veríssimo, conquistou a terceira colocação

O secretário também reafirmou a qualidade dos jurados que participam da escolha dos três vencedores, sendo eles os cantores, músicos e compositores Veridiane Becker, que já tem uma carreira de mais de 20 anos de estrada; o produtor, cantor e compositor Vander Lima, que já trabalhou com o cantor Criolo e com a dupla sertaneja Henrique e Diego, entre outros; e, por fim, o cantor e compositor Leonardo Matias de Oliveira, que já trabalhou com diferentes artistas nacionais, entre eles a dupla Marcos e Belluti.

“Estamos muito felizes com essas três noites, onde os talentos da nossa cidade podem se colocar para o público. Agradeço a toda equipe que teve o empenho de retomar o Fesca, tenho certeza que trabalharam esse Festival com muito carinho, dedicação e amor” – Milton Schmitz

Segundo o prefeito, é preciso prestigiar e valorizar esses novos talentos da música brasileira, pois Carazinho tem inúmeros jovens talentosos e que, a partir do Fesca, tiveram a possibilidade para se mostrar efetivamente.

Leia grátis o jornal digital

Comentários
Diário da Manhã

Diário da Manhã - Todos os direitos reservados. All rights reserved ®