Diário da Manhã

Rio 2016

Paralimpíadas Rio 2016 iniciam nesta quarta

Autor: Redação Passo Fundo
Paralimpíadas Rio 2016 iniciam nesta quarta
Foto: Agência Brasil

Cerimônia de abertura ocorre no Estádio Maracanã. Expectativa brasileira é de top 5 no ranking de medalhas

Capital mundial do esporte em 2016, o Rio de Janeiro recebe mais de 4.350 atletas de 176 países para competir em 23 modalidades nos Jogos Paralímpicos entre esta quarta-feira (07) e o dia 18. As emoções começam a partir das 17h45, com a cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos Rio 2016, que acontece no estádio do Maracanã.

Sob o tema “Todos têm Coração”, a apresentação vai reunir um elenco com dois mil voluntários e 500 profissionais entre coreógrafos e artistas etc, distribuídos em dois palcos no gramado do Maracanã, onde ainda desfilarão milhares de paratletas. O comando do show ficará por conta da atriz e apresentadora Fernanda Lima e do escritor Marcelo Rubens Paiva, além do mascote Paralímpico Tom.

Com regras e categorias específicas para cada tipo de deficiência, as Paralimpíadas distribuem mais medalhas do que as próprias Olimpíadas: serão exatas 528 provas que valem 265 medalhas masculinas, 225 femininas e 38 mistas, em disputa nas 20 arenas durante os onze dias de competição.

Expectativa brasileira
O Comitê Paralímpico espera que os brasileiros conquistem a quinta posição geral no quadro de medalhas. Nesta edição, o país terá a maior delegação da história do evento com 287 atletas. Entre os competidores com grandes chances de subir no pódio estão Daniel Dias, Andre Brasil, Phelipe Rodrigues, da natação; Terezinha Guilhermina, Shirlene Coelho, Silvânia Costa, Yohansson do Nascimento, Alan Fonteles e Odair Santos, pelo atletismo; Maciel Santos, na bocha, no futebol de 5 e goalball masculino. Nos Jogos de Londres, em 2012, a delegação nacional alcançou a sétima colocação, com 21 ouros e 43 medalhas no total. Para melhorar o rendimento este ano, será preciso ganhar ao menos mais dez provas.

Para a Rio 2016, o Comitê Paralímpico aponta alguns destaques das competições: Bruna Alexandre, tênis de mesa; Ítalo Gomes e Matheus Rheine, natação; Verônica Hipólito, Alex Pires, Daniel Martins, Lorena Spoladore, Petrucio Ferreira e Mateus Evangelista, no atletismo; Luiz Carlos Cardoso, canoagem; e as equipes de Futebol de 7 e vôlei sentado masculino.

Porta-bandeira brasileira
Pela primeira vez na história, o Brasil terá uma mulher como porta-bandeira na cerimônia de abertura dos Jogos Paralímpicos. A honra caberá à goiana Shirlene Coelho, de 35 anos, do atletismo, que liderará a delegação brasileira no Maracanã na quarta (7), durante a abertura dos Jogos Rio 2016.

Atual campeã Paralímpica e recordista mundial do lançamento do dardo na classe T37, para paralisados cerebrais, Shirlene, que também ganhou a prata na prova em Pequim 2008, foi escolhida em eleição aberta com a participação dos 286 atletas da delegação brasileira. “Fico muito feliz por ter sido escolhida a porta-bandeira do Brasil, e mais feliz ainda por saber que eu sou querida pelos meus companheiros. Tenho uma ótima convivência com todos e acredito que isso e os meus resultados foram determinantes para eu ser premiada”, disse Shirlene.

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
AD-5167 Azul / Trip 06:55:00 Campinas Sextas
AD-5165 Azul / Trip 07:00:00 Campinas segunda a quinta e sábado
AD-5139 Azul / Trip 12:40:00 Campinas domingos às sextas

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027