Diário da Manhã

Eleições

O que torna uma eleição única

Autor: Natália Arend
O que torna uma eleição única
Foto: Natalia Arend / DM

Eleitores, mesários e curiosidades: em 2016, mais uma vez, o Diário da manhã acompanhou o dia de votação e reuniu algumas coisas que merecem ser lembradas

A eleição é feita de muitos personagens que contribuem para que o dia do pleito aconteça. Percorrendo pontos de votação de Passo Fundo o Diário da Manhã encontrou pessoas em busca de informações minutos antes de votar, conhecer eleitores que mesmo com mais de 70 anos ainda querem ajudar a escolher os gestores públicos e quem há muito tempo trabalha como voluntário nas eleições

Cartório é ponto de referência para quem tem dúvidas
Um dos pontos centrais do dia das eleições é o Cartório Eleitoral, o espaço funciona como referência para compartilhar informações. Logo após a abertura das urnas o cartório começou o atendimento a eleitores que ainda tinham dúvidas sobre a votação. As perguntas mais frequentes eram sobre os documentos necessários para votar e o local de votação.

Uma das pessoas que foi buscar atendimento foi a  técnica de Enfermagem, Lucile Aparecida da Silva Antônio. Ela estava sem o título de eleitor e não sabia qual era sua seção eleitoral. “De documentos eu só estou com a minha carteira de trabalho e não sei em qual seção vou votar”, disse ela, ressaltando que tinha dúvidas se poderia votar sem apresentar outros documentos.

Com pouco tempo de espera, já que buscou atendimento antes das 09h, Lucile foi orientada a buscar a sua seção eleitoral em um dos bairros de Passo Fundo e recebeu a confirmação de que poderia usar a carteira de trabalho.

Além de Lucile muitos outros eleitores buscaram o Cartório, boa parte das pessoas era eleitores que tinham transferido o título e ainda não tinham identificado o local de votação.

O voto como protesto e a preocupação social
No Brasil pessoas com menos de 18 anos e a partir dos 70 anos não sou obrigadas a votar. Porém, nas primeiras horas das eleições pessoas mais velhas eram vistas com frequência entrando nas seções eleitorais. Muitos amparados por filhos ou parantes, alguns com a ajuda de bengalas ou andador mas todos com vontade de participar da decisão que define os próximos quatro anos das cidades brasileiras. Segundo a administradora de prédio das seções eleitorais da Escola Protásio Alves, Claúdia Trevisan, o período da manhã é o preferido pelos idosos e há uma participação expressiva de quem já passou dos 70 anos.

O aposentado José Ancelmo Torres de 83 anos, vive em Passo Fundo há 38 anos e desde que começou a participar das eleições só deixou de votar em um pleito. Seu Torres faz questão de votar e usa o voto como forma de protesto para não dar o poder para partidos que não apoia. Nessa eleição não votou para nenhum candidato à Câmara e optou para votar apenas para prefeito.

Doze anos mais velha de seu José, a Dona Aracy Matos de Morais anda com o auxílio de uma bengala e foi até o Clube Caixeiral acompanhada da filha. Mesmo caminhando devagar Dona Aracy fez questão de votar e segunda ela, nunca deixou de participar de nenhuma votação. “A mãe sempre manifesta a vontade de votar, tem uma grande preocupação social e se preocupa com melhorias para a cidade”, conta a filha Terezinha Matos de Morais.

Mesário de muitas eleições

Ademir Campos passou todo o domingo ocupando uma das três cadeira de mesário na seção 165 da 33º zona eleitoral. Nas eleições de 2014, ele ocupava o mesmo posto, na mesma seção. Nos últimos 12 anos o Especialistas em Direito Civil e Processo Civil, dá um tempo dos estudos de Direito e vai exercer o que para ele é uma contribuição para o Brasil. Ademir tem 30 anos e desde os 18 atua como voluntário nas eleições. De lá para cá já foram seis pleitos.

“Eu acredito que ser mesário é contribuir para o desenvolvimento do Brasil. Trabalhamos para manter a conquista do voto”, ressalta.

 

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
AD-5167 Azul / Trip 06:55:00 Campinas Sextas
AD-5165 Azul / Trip 07:00:00 Campinas segunda a quinta e sábado
AD-5139 Azul / Trip 12:40:00 Campinas domingos às sextas
O6-6179 Avianca 15:10:00 São Paulo domingos às sextas

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027