Diário da Manhã

Eleições

Sobe para 14 número de pessoas presas durante o segundo turno

Autor: Fonte externa
Sobe para 14 número de pessoas presas durante o segundo turno
Foto: Isabela Vieira / Agência Brasil

Todos os casos registrados envolveram eleitores

No terceiro boletim divulgado hoje (30), o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informa que subiu para 14 o número de pessoas presas durante o segundo turno das eleições. O estado que registrou o maior número de prisões foi o Rio de Janeiro, com sete pessoas detidas por boca de urna. Todos os casos registrados envolveram eleitores. No Espírito Santo, três pessoas foram presas por boca de urna. No Rio Grande do Sul,  mais três foram presas por divulgação de propaganda e na Bahia uma prisão foi feita por motivos não especificados pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Outra informação divulgada pelo TSE foi o número de urnas substituídas. Até agora, 374 equipamentos foram trocados. Nas 57 cidades com segundo turno estão sendo usadas 90.532 urnas. Mais 12.477 estão disponibilizadas como reserva para o caso de algum equipamento apresentar defeito. Neste domingo, mais de 32 milhões de eleitores voltam às urnas para eleger prefeitos e vice-prefeitos. Em algumas localidades, o eleitor precisa ficar atento às mudanças de locais de votação. Nas cidades onde ocorre ocupação estudantil de escolas, algumas seções foram alteradas.  É o caso dos estados do Paraná, de Goiás, do Espírito Santo e de Pernambuco.

Em Porto Alegre, candidatos votam em horários diferentes
Os dois candidatos a prefeito que disputam o segundo turno em Porto Alegre votaram hoje (30) em horários próximos. O deputado federal Nelson Marchezan Júnior (PSDB) votou primeiro, às 11h40, e vice-prefeito Sebastião Melo (PMDB) às 12h30. Marchezan Júnior chegou acompanhado do vice Gustavo Paim e da família à Escola Estadual de Ensino Fundamental Duque de Caxias, na zona sul da capital gaúcha. Ele foi recebido por apoiadores e votou acompanhado dos filhos. 
O tucano fez uma avaliação da própria campanha no segundo turno. “O debate aqui foi muito mais sobre as expectativas da cidade e o que Porto Alegre almeja para o futuro do que um debate entre partidos, ideologias e sindicatos. Por mais que as pessoas falem mal da política, o eleitor está muito consciente, querendo saber o que nós iremos fazer pela cidade”, afirmou Marchezan.

Melhorias para a cidade
Sebastião Melo votou no Colégio Leonardo da Vinci, na zona sul de Porto Alegre, e também foi recebido por apoiadores. Ele chegou acompanhado por familiares, pela candidata a vice, Juliana Brizola, pelo ex-senador Pedro Simon e pelo atual prefeito José Fortunati. Melo disse que só fará uma avaliação da campanha após o resultado do pleito. “Existem milhares de porto-alegrenses que só vão decidir o candidato na hora da votação. Nós temos um campo popular na cidade muito identificado com a nossa campanha, e eu espero que estejamos juntos nas urnas para garantir as melhorias que a cidade teve nos últimos anos e fazer mais mudanças”, ressaltou Melo. No primeiro turno, Nelson Marchezan Júnior conquistou 29,84% dos votos em Porto Alegre. Sebastião Melo ficou em segundo lugar, com 25,93%.

Fonte: Agência Brasil

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
AD-5167 Azul / Trip 06:55:00 Campinas Sextas
AD-5165 Azul / Trip 07:00:00 Campinas segunda a quinta e sábado
AD-5139 Azul / Trip 12:40:00 Campinas domingos às sextas
O6-6179 Avianca 15:10:00 São Paulo domingos às sextas

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027