Diário da Manhã

Geral

Quais são os setores em expansão e as profissões do futuro?

Autor: Redação Diário da Manhã

Pesquisa analisada pelo CEGEPE da IMED levantou as principais áreas de destaque no mercado de trabalho

Nos anos de 2015 e 2016, o mercado de trabalho brasileiro passou por um momento delicado: enfrentou uma de suas piores crises, com demissões, volta da inflação e diminuição da renda média dos trabalhadores. Paralelamente a isso, o número de pessoas querendo trabalhar vem crescendo. São em sua maioria jovens que buscam se inserir no mercado em busca de seu primeiro emprego, aposentados que voltam a trabalhar para aumentar a renda familiar e pessoas desempregadas que buscam uma recolocação no mercado de trabalho.

Apesar do cenário não ser tão animador, há setores que estão se expandindo, e consequentemente o número de empregos está crescendo, como demonstra uma pesquisa realizada pelo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – CAGED e pela Fundação Instituto de Administração – FIA. Segundo o estudo, os setores que mais estão em expansão são, por ordem crescente: saúde, agronegócio, educação, serviços domésticos, exportação, e novos negócios, pois muitos dos que perderam o emprego buscam novas ocupações e optam por empreender abrindo o próprio negócio.

Em meio a esse cenário de mudanças, outra pesquisa recente desenvolvida pela Ernest & Young, que é uma das maiores empresas de consultoria e auditoria na área de negócios do mundo, fez uma previsão sobre o futuro do mercado de trabalho, apontando as profissões que irão desaparecer e emergir com o passar do tempo. Os empregos e profissões que tendem a desaparecer estão ligados a cargos mais operacionais, tais como operador de telemarketing, corretor de imóveis e seguros, reparador de relógios, digitador de dados, agente de crédito, trabalhadores rurais, árbitros de futebol e caixa de banco.

Perante a esses dados, o Centro de Estudos em Gestão de Pessoas - CEGEPE da Business School da IMED realizou a análise dos setores, baseado no estudo da Ernest & Young, e apontou que as novas profissões e empregos que surgirão até o ano de 2025 se concentram em trabalhos que envolvem tecnologia de ponta e mudanças globais.

As professoras Shalimar Gallon (Pesquisadora do PPGA da IMED) e Alessandra Costenaro Maciel (Coordenadora da Pós-Graduação Lato Sensu da IMED), responsáveis pela análise feita pelo CEGEPE, constataram também que tais mudanças devem-se a era digital e a robótica, que aos poucos vem substituindo as funções operacionais e repetitivas, introduzindo a tecnologia de forma mais ampla.

Também concluiu-se que as profissões estão se transformando e cada vez mais demandam trabalhadores que tenham habilidade analítica de informações e um pensamento estratégico. Para o Diretor de Desenvolvimento de Pessoas da Associação Brasileira de RH – ABRH, Luiz Edmundo Prestes Rosa, para ocupar um lugar ao sol no mercado, é necessário que trabalhadores desenvolvam competências comportamentais que serão primordiais para permanecer na ativa. “Três habilidades são essenciais para ter sucesso nessa nova era: orientação para servir, capacidade de negociar e flexibilidade cognitiva, ou seja, a capacidade de entender o outro e aprender coisas novas rapidamente”.

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
AD-5167 Azul / Trip 06:55:00 Campinas Sextas
AD-5165 Azul / Trip 07:00:00 Campinas segunda a quinta e sábado
AD-5139 Azul / Trip 12:40:00 Campinas domingos às sextas

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027