Diário da Manhã

Plantão

Geral

Trabalhadores da coleta de lixo devem paralisar

Categoria, que solicita melhorias das condições de trabalho, deve suspender atividades na segunda-feira (24). Codepas declara que greve é ilegal e tomará medidas cabíveis ao caso

O serviço de coleta de lixo da Companhia de Desenvolvimento de Passo Fundo (Codepas) possivelmente estará desfalcado na próxima segunda-feira (24). Os 24 trabalhadores do setor devem paralisar suas atividades em manifestação por melhores condições de trabalho. A principal reivindicação da categoria é o retorno do sistema de roteiro – que era realizado até novembro de 2016 -, o qual os trabalhadores eram dispensados após realizaram o serviço. No entanto, atualmente eles precisam cumprir a carga horária de 8h, mesmo que o serviço seja concluído em 6h30min.

A greve dos garis foi comunicada para a empresa na última quarta-feira (19). A decisão foi tomada por 23 trabalhadores em assembleia realizada na última terça-feira (18). De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Transportes Coletivos Urbanos de Passo Fundo (Sindiurb) – que representa a categoria -, Miguel Valdir dos Santos Silva, a empresa mostrou-se irredutível às solicitações feitas pelo setor. Por isso, a greve deve se concretizar no início da próxima semana. “Já foram comunicados. Eles pedem que a empresa volte ao que era antes. A paralisação pode ser encerrada ao longo da segunda-feira caso a empresa sinalize alguma mudança do que se pede”, afirma.

Entre as pautas reivindicadas de melhores condições de trabalho estão a desobrigação de recolher lixo depositado em contêiner localizado no lado esquerdo da rua (os trabalhadores alegam que há determinação do Ministério do Trabalho e Emprego para que eles não façam o recolhimento do lixo à esquerda, sob pena de risco à integridade física); garantia de não existir mais desvio de função, sendo assegurada a realização de atividades conforme previsto no edital; garantia de não exigência para que permaneçam molhados, dentro das dependências da empresa; distribuição de atividades e da jornada de trabalho de forma igualitária a todos os funcionários do setor de coleta de lixo; e retorno ao sistema de roteiro.

Segundo o presidente do Sindiurb, os trabalhadores podem correr risco de saúde e de vida em razão da proximidade com o inverno e diante de alguns contêineres que se localizam na faixa da esquerda – o que faz os trabalhadores precisarem atravessar a rua para coletar o lixo. “Eles fazem o turno deles no caminhão e o restante do tempo precisam ficar à disposição da empresa sem fazer nada. Estão preocupados porque logo começa o inverno e vão ter que ficar molhados no aguardo do término do horário. Fora isso também correm risco de vida em contêineres que não estão no lado correto”, declara Santos. Conforme ele, o Ministério do Trabalho e Emprego notificou a Codepas em razão de casos em que os contêineres não estavam no local adequado. “Se vocês passarem nas ruas Bento Gonçalves ou Capitão Eleutério acabam encontrando contêiner no lado esquerdo”, completa.

Em contato com a Codepas, o presidente Tadeu Karczeski comunicou que o setor jurídico da empresa trabalha internamente para decretar a ilegalização da greve e tomar providências legais e cabíveis sobre o caso. “O nosso jurídico está analisando. Estamos mantendo a legalidade. Não sei se vamos conseguir impedir a paralisação, mas estamos tomando medidas legais para o caso. É uma greve ilegal. Eles pedem algo absurdo, mas não tenho como oferecer, aí dizem que não vão trabalhar. Então que peçam demissão. Não há outra saída”, declara.

Karczeski defende, ainda, que os trabalhadores recebem mais benefícios que colegas de empresas concorrentes. “Eles têm uma série de vantagens que outros não têm e sempre estão insatisfeitos. Eles têm que cumprir com a finalidade de que foram contratados. Não vamos oferecer nada diferente”, finaliza o presidente da Codepas. De acordo com o Sindiurb, em caso de negociação com a empresa, os trabalhadores podem encerrar a paralisação na próxima segunda-feira. Da mesma forma ela poderá ser prorrogada no restante da semana, conforme votação da categoria em nova assembleia.

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
VCP - PFB Azul 08:45:00 Passo Fundo segunda a sábado
VCP - PFB Azul 17:40:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 23:15:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 20:35:00 Passo Fundo sábados
PFB - VCP Azul 06:00:00 Campinas - SP todos os dias
PFB - VCP Azul 10:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos domingos
PFB - VCP Azul 19:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos sábados
FLN - PFB Azul 16:15:00 Passo Fundo Segundas, sextas e domingos
PFB - FLN Azul 18:20:00 Florianópolis Segundas, sextas e domingos

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027