Diário da Manhã

Plantão

Economia

Índice FIRJAN indica Carazinho como “gestão em dificuldades”

Com base de dados de 2016 o Índice FIRJAN de Gestão Fiscal 2017 de Carazinho foi de 0.5703, ou seja, conceito C que é considerado uma gestão em dificuldades. O indicador que analisa os investimentos públicos é o pior deles, sendo considerada de gestão crítica. O único indicador que Carazinho tem nível de excelência se refere ao custo da dívida

Embora para grande maioria da população o que importa em uma Administração Municipal seja a realização de obras, melhorias em Saúde, Educação, Segurança e outros segmentos que interferem no cotidiano das pessoas, para que estas ações sejam sustentáveis é preciso que a gestão fiscal da prefeitura esteja ajustada. Divulgado recentemente, o Índice FIRJAN de Gestão Fiscal 2017 – IFGF, que tem como base dados de 2016, indica que o município de Carazinho teve avaliação enquadrada no Conceito C, o que pela metodologia do estudo aponta para uma gestão em dificuldades.

O IFGF é uma ferramenta de controle social criada pelo Sistema FIRJAN e que tem como objetivo estimular a cultura da responsabilidade administrativa, visando o aperfeiçoamento das decisões dos gestores públicos quanto à alocação dos recursos. Lançado em 2012, o índice expõe em números a forma como os tributos pagos pela sociedade são administrados pelas prefeituras.

Ele é construído a partir dos resultados fiscais das próprias prefeituras – informações de declaração obrigatória e disponibilizadas anualmente pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN). Com base nesses dados oficiais, o Índice FIRJAN de Gestão Fiscal 2017 avaliou a situação fiscal de 4.544 municípios, onde vivem 177,8 milhões de pessoas – 87,5% da população brasileira. Apesar da determinação da lei, os dados do exercício fiscal 2016 de 1.024 prefeituras não estavam disponíveis ou não eram consistentes.

O que considera
O Índice FIRJAN de Gestão Fiscal (IFGF) é composto por cinco indicadores: receita própria, gastos com pessoal, investimentos, liquidez e custo da dívida. O indicador de receita própria mede o total de receitas geradas pelo município. Os gastos com pessoal representam quanto os municípios gastam com o pagamento de servidores. O índice de liquidez verifica se as prefeituras estão deixando em caixa recursos suficientes para honrar os restos a pagar acumulados no ano, medindo a liquidez da prefeitura em proporção das receitas correntes liquidas.

O investimentos é o acompanhamento dos investimentos em relação à receita corrente líquida, considerando como investimentos ruas pavimentadas, escolas, qualidade de transportes, iluminação pública e outros. O custo da dívida corresponde às despesas de juros e amortização em relação ao total das receitas liquidas. O índice avalia o comprometimento do orçamento com o pagamento de juros e amortização de empréstimos contraídos em exercícios anteriores.

Leitura do IFGF
O IFGF tem uma metodologia que permite tanto comparação relativa quanto absoluta, isto é, o índice não se restringe a uma fotografia anual, podendo ser comparado ao longo dos anos. Dessa forma, é possível especificar, com precisão, se uma melhoria relativa de posição em um ranking se deve a fatores específicos de um determinado município ou à piora relativa dos demais. O IFGF tem uma leitura dos resultados por pontuação que varia entre 0 e 1, sendo que, quanto mais próximo de 1, melhor a gestão fiscal do município no ano em observação. Sendo que o Conceito A que é considerado uma gestão de “excelência” é destinado aos resultados superiores a 0,8. O conceito B que é considerado uma “boa gestão” e é destinado aos resultados compreendidos entre 0,6 e 0,8 . O conceito C que é considerado uma “gestão em dificuldades” é destinado aos resultados compreendidos entre 0,4 e 0,6. Já o conceito D é considerado de gestão crítica e é atribuído aos indicadores inferiores a 0,4.

Síntese dos indicadores de Carazinho
Pelo estudo, o Índice FIRJAN de Gestão Fiscal 2017de Carazinho é de 0.5703, ou seja, o conceito C, que é considerado uma gestão em dificuldades. Os indicadores de receita própria e liquidez se encontram no mesmo conceito, porém o indicador de investimentos é o pior deles, e tem conceito D. Em termos de investimentos a gestão de Carazinho é considerada crítica. O único indicador que o município tem nível de excelência se refere ao custo da dívida.

Comparativos do Índice FIRJAN de Gestão Fiscal 2017 dos municípios da região e seus ranqueamentos

Administração pretende ampliar investimentos
Considerando que os dados da pesquisa divulgada agora tem ano base 2016, as ações da atual Administração Municipal vão implicar no resultados das pesquisas dos próximos quatro anos. O secretário de Fazenda, Adroaldo De Carli, comenta que ainda não analisou a tabulação dos dados com profunda atenção, porém destaca que os indicadores que se referem aos investimentos públicos são uma preocupação da atual administração. “O maior desafio é a falta de investimentos. Este deve ser o nosso foco principal. Investimentos têm reflexos em outras áreas. No meu ponto de vista o investimento público atrai mais investimentos de particulares e de empreendedores. É tudo uma consequência. Vejo que nos últimos anos Carazinho não teve projetos de investimentos na cidade e isto desarticulou a continuidade do desenvolvimento. Queremos a retomada disso a partir de obras públicas que devem dar mais qualidade de vida aos munícipes e por consequência a atração de investimentos”, declara De Carli.

De acordo com o secretário, já para o ano de 2018 a Administração pretende avançar em investimentos, tanto com recursos próprios quanto por emendas parlamentares. “São duas linhas de ação. A primeira com recursos próprios, estamos trabalhando intensamente na otimização dos recursos para diminuir as despesas com o custeio da máquina pública para sobrar mais recursos a serem aplicados em investimento. O segundo são as emendas parlamentares e os projetos, e isto deve ser perceptível já no próximo ano”, afirma o secretário.

IFGF e componentes de Carazinho

 

Indicador IFGF de Carazinho vem caindo desde 2011

 

Indicador do Custo da Divida e ranqueamento da cidade no Estado e país

Indicador da despesa com pessoal e o ranqueamento da cidade no Estado e país

Indicadores de investimentos nos últimos 8 anos

Indicadores de Receitas Próprias

 

Comentários

Galerias de Fotos

Anuncie Aqui

Horários de Voos

Vôo Empresa Horários Destino (s) Frequência
VCP - PFB Azul 08:45:00 Passo Fundo segunda a sábado
VCP - PFB Azul 17:40:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 23:15:00 Passo Fundo segundas, terças, quartas, quintas, sextas e domin
VCP - PFB Azul 20:35:00 Passo Fundo sábados
PFB - VCP Azul 06:00:00 Campinas - SP todos os dias
PFB - VCP Azul 10:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos domingos
PFB - VCP Azul 19:55:00 Campinas - SP todos os dias exceto aos sábados
FLN - PFB Azul 16:15:00 Passo Fundo Segundas, sextas e domingos
PFB - FLN Azul 18:20:00 Florianópolis Segundas, sextas e domingos

Baixe o Aplicativo do Jornal

Matriz

Curta o Diário

(54)3316-4800Passo Fundo

(54)3329-9666Carazinho

  • Passo Fundo: (54) 9905-7864

    Carazinho: (54) 9959-5027