Rodolfo Sgorla da Silva

Olá, sou Rodolfo Sgorla da Silva e em todos os finais de semana o Grêmio é o assunto de minha coluna. O olhar tático com a emoção do futebol é a tônica de meu texto, sempre com opiniões fortes.

O acerto para 2019

Compartilhe

A grande expectativa do torcedor gremista para a temporada 2019 era ver Thiago Neves tabelando com Luan e Everton no gramado da Arena. Não vai acontecer. Mesmo assim, o Grêmio pode comemorar um grande acerto para 2019.

É fundamental a permanência de Luan na equipe, que chegou a ser cogitado como moeda de troca com o Cruzeiro para ter Thiago Neves. Seria como vestir um santo e despir outro. Melhor deixar as coisas como estão e ficar com um atleta mais jovem e que ainda tem seu valor de mercado.

Mais do que isso. Luan fez uma temporada 2018 abaixo do ideal, aliás, bem abaixo. E não mudará seu perfil. Seguirá sendo menos sanguíneo do que a história tricolor exige, fato que desagrada e sempre gera resmungo na torcida.

Mas, foi jogando desta forma que contribuiu enormemente para a conquista da Libertadores de 2017, sendo, inclusive, eleito o melhor jogador da competição. Ou seja, a mecânica de jogo do Grêmio, que vai permanecer a mesma neste ano, depende de Luan.

Talvez esteja aí um dos principais tiros certos da direção gremista antes da temporada começar, o que também inclui não perder Everton. Sobre a direção gremista, foi com Romildo Bolzan Júnior que Luan teve uma conversa bem de perto e as cartas foram postas à mesa pelo presidente. Certamente, o camisa 7 tomou um puxão de orelhas e ouviu do mandatário tricolor o que se espera dele em 2019.

Luan tem talento, treinador e companheiros de time qualificados, com os quais está há anos entrosado. O contexto para render bem lhe favorece. Em outras palavras, 2019 é o ano em que Luan terá de justificar em campo os R$ 700 mil que recebe por mês e que 2018 foi uma exceção.

Comentários
Diário da Manhã

Diário da Manhã - Todos os direitos reservados. All rights reserved ®