Mito ou verdade: trabalhador terá poupança individual na nova aposentadoria? Entenda:

Saiba o que significa a capitalização dentro da Reforma da Previdência

Foto: Reprodução

Compartilhe

Nem mesmo os especialistas na área de direito previdenciário conseguem acompanhar as sucessivas mudanças de postura do Governo Federal em relação ao novo sistema de aposentadoria que deverá integrar a Reforma da Previdência.

O sistema de capitalização – cogitado pela equipe de Bolsonaro – e o sistema de repartição (atualmente utilizado na previdência social brasileira) são os dois principais modelos de organização previdenciária praticados. A capitalização é a forma mais conhecida e tradicional aplicada nos planos de Previdência Complementar.

“Resumidamente, a pessoa contribui valores de forma individual e que são aplicados pela empresa de previdência para que, no futuro, diante de determinadas condições, possam ser utilizados. Assim, no futuro, a pessoa poderia utilizar o dinheiro todo ou investir novamente”, exemplifica o professor da IMED, Fausto de Moraes.

A repartição, por sua vez, é o modelo hoje vigente na Previdência Social em que as contribuições de todos compõe um fundo único responsável por cobrir todos os benefícios previstos. Para o professor universitário, existem dois problemas na Previdência Social.

Leia grátis o jornal digital

Comentários
Diário da Manhã

Diário da Manhã - Todos os direitos reservados. All rights reserved ®