Patram de Carazinho prende três por suspeita de caça ilegal

Prisão ocorreu após vazamento de um vídeo, onde os caçadores mostram o resultado das atividades de caça silvestre

Foto: Patram/ divulgação

Compartilhe

Três homens suspeitos de caçar animais silvestres foram presos pela Patram de Carazinho, nesta quinta-feira (6), na localidade de Linha Jacutinga, interior de Sarandi.

Segundo a Patram, os policiais chegaram até os suspeitos após receberem informações de um vídeo circulando na internet, onde os caçadores mostravam o resultado das atividades, na situação de caça.

Após tomar conhecimento sobre o conteúdo do vídeo, a Justiça expediu um mandado de busca, através da Polícia Civil, para verificar a situação. Imediatamente, os policiais montaram uma operação para conseguir localizar o paradeiro dos caçadores e descobriram suas procedências, apesar de os suspeitos não serem identificados no vídeo.

De acordo com a polícia, no local indicado, os policias localizaram carne de veado, inclusive, com um feto do animal encontrado morto ainda na placenta, um tatu, além de armas utilizadas para caça.

Os três suspeitos e o material apreendido foram conduzidos à delegacia. Eles devem responder judicialmente.

Leia grátis o jornal digital

Comentários
Diário da Manhã

Diário da Manhã - Todos os direitos reservados. All rights reserved ®